on 27 de setembro de 2013


Governo do PSD está a travar a construção da rotunda desnivelada junto à Ponte de Frádegas

Joaquim Couto quer requalificar estradas do município

A candidatura do PS à Câmara Municipal de Santo Tirso, encabeçada por Joaquim Couto, quer melhorar a rede rodoviária existente no concelho, nomeadamente as ligações entre freguesias. O candidato socialista tem vindo a defender esta aposta, considerando também importante “o reforço das ligações das freguesias à sede do município”. “É necessário criar boas condições de mobilidade”, justifica.

Um dos projetos, de acordo com Joaquim Couto, “passa por estudar alternativas de acesso a Vila das Aves, ao Vale do Leça e à zona nascente do concelho”. São obras “estruturantes que devem merecer a atenção da autarquia, bem como do Governo, uma vez que os investimentos necessários ultrapassam a escala municipal”, explicou, assumindo, assim, o compromisso de exercer pressão junto da Administração Central, no sentido de se avançar com estes projetos.

Por outro lado, Joaquim Couto irá reivindicar junto do Governo o avanço da construção da rotunda desnivelada junto à Ponte de Frádegas, na Estrada Nacional 105. Trata-se de uma obra prevista há duas dezenas de anos e à qual o Governo do PSD não está a dar seguimento. “É uma obra fundamental para descongestionar o trânsito naquele local. O Governo deve cumprir as suas obrigações e avançar rapidamente com a empreitada que está protocolada com a Câmara Municipal”, reclama Joaquim Couto.

A par do melhoramento da rede rodoviária, para o candidato do PS, é também necessário fazer uma avaliação às condições de mobilidade oferecidas no município e, para tal, considera, “temos de ouvir e dialogar com a população para perceber as suas reais necessidades e preocupações, para depois agir em conformidade”.

No programa eleitoral de Joaquim Couto, constam ainda medidas de desenvolvimento de uma política consistente de requalificação e pavimentação de vias, de requalificação das estradas nacionais de forma a eliminar os pontos negros e de acumulação de acidentes no município, bem como de prosseguimento com o reforço da visibilidade e segurança das passagens de peões. “Quando for eleito, farei uma revisão à problemática dos transportes e do congestionamento de trânsito”, rematou.