on 9 de outubro de 2014
COMUNICADO
Presidente do Município abre inquérito para avaliar ato eleitoral do Orçamento Participativo

Domingos Bragança quer processo de votação devidamente clarificado. Divulgação dos resultados oficiais foi adiada até à conclusão deste processo.
O Presidente da Câmara Municipal de Guimarães determinou a abertura de um Inquérito de Avaliação para efetuar uma rigorosa análise ao ato eleitoral realizado no âmbito da segunda edição do Orçamento Participativo.
Este inquérito de avaliação foi cometido ao Departamento de Administração Geral do Município de Guimarães, sob a responsabilidade da sua Diretora, Joana Lobo Xavier, e terá como objetivo apurar eventuais anomalias que possam ter surgido durante o período de votação, que decorreu entre os dias 02 de setembro e 03 de outubro de 2014.
Atendendo às denúncias dos últimos dias sobre possíveis irregularidades no processo de votação do Orçamento Participativo 2014, o Presidente da Câmara Municipal de Guimarães decidiu adiar a divulgação oficial dos projetos vencedores, até que fiquem devidamente esclarecidos os fundamentos das queixas apresentadas.