on 18 de fevereiro de 2015

Academia Brasileira de Engenharia de Segurança do Trabalho distingue Domingos Bragança

Comenda foi entregue durante simpósio que reúne cerca de 350 participantes provenientes de 22 países. Evento terá comunicações de especialistas de renome internacional.

O Presidente da Câmara Municipal de Guimarães, Domingos Bragança, recebeu esta quinta-feira, 12 de fevereiro, a distinção de Comendador da Academia Brasileira de Engenharia de Segurança do Trabalho. A condecoração foi atribuída no decurso da cerimónia de abertura do 11º Colóquio Internacional de Segurança e Higiene Ocupacionais, que decorre até esta sexta-feira no Polo de Azurém da Universidade do Minho, em Guimarães.
A atribuição da Comenda, aprovada por unanimidade em sessão plenária da Assembleia Nacional dos Engenheiros de Segurança do Trabalho do Brasil, tem como objetivo distinguir o exemplo de relação institucional entre a Câmara Municipal de Guimarães e a Universidade do Minho.

«Este é o reconhecimento dos cientistas brasileiros ao político e cidadão Domingos Bragança, que tem efetuado uma administração diferenciadora em toda a Europa, fazendo de Guimarães uma referência em Portugal. Esta Comenda é mais um incentivo para continuar o seu bom trabalho», disse Evaldo Valladão, Presidente da Academia Brasileira.

Agradecendo a distinção, Domingos Bragança destacou o «importante contributo» do Reitor António M. Cunha para o êxito da parceria institucional. «Os vimaranenses estão envolvidos com a sua Universidade do Minho. Os projetos são partilhados pela Autarquia e pela Universidade, sempre a pensar no desenvolvimento de Guimarães e da região. A reindustrialização europeia, de futuro, na base da ciência e do conhecimento, resultará no bem-estar e felicidade dos nossos cidadãos», afirmou o Presidente do Município. 
Além da atribuição da Comenda, o responsável pela Câmara Municipal de Guimarães foi designado “Patrono” na Europa da Escola de Samba Unidos da Ponte, prestigiada agremiação do Rio de Janeiro cujo elenco é constituído por 5 mil membros. Como resultado dessa nomeação, a cultura vimaranense será, em 2016, o principal tema da “Unidos da Ponte” no desfile do Sambódromo.
«O nosso enredo, no próximo ano, é sobre Guimarães, Berço de Portugal e do Brasil, porque sem Portugal também não existia Brasil!», justificou Evaldo Valladão, que tem em mente realizar um Carnaval fora de época em Guimarães. «Domingos Bragança é um incentivador da cultura e queremos difundir as nossas bases culturais a partir da cidade onde nasceu Portugal», argumentou, em representação da escola.