on 26 de junho de 2015

Autarquia assinou protocolo de adesão ao projeto ‘Working Genderation: no trabalho e na vida’

O Presidente da Câmara Municipal de Vizela assinou esta tarde o protocolo de adesão ao projeto ‘Working Genderation: no trabalho e na vida’, com a Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade do Porto.

Uma sociedade sem distinção de género. Assim é o mote de “Working Genderation – no Trabalho e na Vida”.

O projeto ‘Working Genderation’ refere-se no título escolhido ao âmbito de atuação, sendo este o mercado de trabalho e seus trabalhadores (working) e a junção das palavras “género” e “geração” (gender + generation), remetendo para a construção de uma nova era de igualdade, entre homens e mulheres, no “trabalho e na vida”.

O projeto visa contribuir para a mobilização dos parceiros sociais para a temática da igualdade de género, incorporando estes princípios nas políticas e estratégias de intervenção das empresas do setor têxtil de vestuário e calçado, nos concelhos de Guimarães e Felgueiras, estendendo-se agora também a Vizela, visto que são regiões com um tecido empresarial forte na zona norte de Portugal. O projeto promove também formação certificada no âmbito interno da Autarquia, no sentido do diagnóstico de necessidades com vista à implementação de medidas internas e externas de igualdade na Câmara Municipal.

O objetivo é criar, com as empresas e para as empresas, instrumentos e soluções para a promoção da igualdade entre homens e mulheres, bem como reforçar mecanismos de encorajamento e divulgação de práticas promotoras da igualdade e da conciliação entre a vida profissional, familiar e pessoal.

A ferramenta primordial é a formação de públicos estratégicos, sendo eles empresários/as e diretorias de organizações, seus colaboradores, e outros técnicos superiores.

O projeto conta com um Comité de Acompanhamento, gerenciado através de uma parceria com profissionais especializados em igualdade de Género e Conciliação. A sua implementação torna-se pertinente para a existência de uma equipa externa, não influenciável, para avaliação e acompanhamento de todo o trabalho/ações realizadas ao longo do projeto.