on 14 de março de 2016

Meia tonelada de resíduos retirados do Rio Selho no Dia Internacional de Ação pelos Rios

Pneus, garrafas de plástico e de vidro, loiça, sacos plásticos, entre muitos outros detritos, foram retirados esta segunda-feira do Rio Selho, junto ao Laboratório da Paisagem. Cerca de meia centena de voluntários juntaram-se para assinalar o Dia Internacional de Ação pelos Rios.
Meia tonelada de resíduos foram retirados do Rio Selho e também das margens, no âmbito da comemoração do Dia Internacional de Ação pelos Rios. A iniciativa, levada a cabo pelo Laboratório da Paisagem e pela Candidatura de Guimarães a Capital Verde Europeia, foi a única realizada em Portugal inscrita na organização International Rivers.
Ao longo de pouco mais de uma hora, quase meia centena de voluntários, do Banco Local de Voluntariado e do curso de Análises Laboratoriais da Escola Secundária Martins Sarmento juntaram-se à equipa de investigadores do Laboratório da Paisagem e ao relações públicas do Vitória, Neno, para uma vez mais sensibilizarem e consciencializarem a população para a preservação do ambiente, em especial dos rios, na defesa da biodiversidade, transmitindo a importância e valorização das linhas de água urbanas.
Das margens e do interior do rio, nas imediações do Laboratório da Paisagem, em Creixomil, foram retiradas vários pneus, dezenas de garrafas de plástico e de vidro, loiça, sacos plásticos, entre muitos outros detritos, num total de cerca de 500 quilos.
Na iniciativa marcou presença o vereador responsável pelo ambiente da Câmara Municipal de Guimarães, Amadeu Portilha que sublinhou a importância deste tipo de ações, especialmente junto da comunidade escolar, no caminho que Guimarães está a fazer, para se tornar um concelho ainda mais verde.