on 31 de março de 2016




APLICAÇÃO “GUIMARÃES.MYCITY” JÁ SE ENCONTRA DISPONÍVEL

Câmara de Guimarães lança plataforma de gestão territorial em tempo real

Cidadão pode acompanhar e consultar o estado de resolução da ocorrência que submeteu. Instrumento de gestão territorial fornece dados sobre a tipologia, hora e localização da participação.

A Câmara Municipal de Guimarães acaba de disponibilizar a plataforma “MyCity”, um serviço que pretende revolucionar o processo de notificação e gestão de ocorrências, permitindo aos cidadãos vimaranenses reportar as mais variadas situações relacionadas com os espaços públicos do concelho. Trata-se de um modelo de participação cívica que faculta o envolvimento ativo do cidadão na gestão do Município e que lhe permite consultar a evolução, acompanhar e ser notificado de todos os estados da ocorrência. A plataforma pode ser acedida através da página de internet da Câmara de Guimarães e está diretamente disponível na ligação eletrónica <http://guimaraes.mycity.pt>. 
A necessidade de intervenção na via pública, a manutenção de equipamentos ou a comunicação de problemas do foro autárquico passam a estar à distância de um clique. As ocorrências são tipificadas e registadas através da introdução de uma pequena descrição, acompanhada de um registo fotográfico que pode ser anexado pelo cidadão. A Câmara Municipal recolhe a comunicação e fará a gestão de anomalias detetadas numa Autarquia, tais como derrocadas de muros, mobiliário urbano danificado, necessidade de recolha de lixo, animais desprotegidos, estacionamento abusivo, viaturas abandonadas, entre outros.
Com esta plataforma de gestão de ocorrências, financiada no âmbito de uma candidatura da CIM do Ave, o Município de Guimarães passa a dispor de um melhor controlo das estruturas no concelho, reduzindo significativamente custos e melhorando o serviço aos cidadãos, promovendo ao mesmo tempo a participação colaborativa. «Esta nova ferramenta proporciona a criação de um diálogo permanente e construtivo com os cidadãos, empresas e associações, demonstrando que a contribuição das pessoas faz, de facto, toda a diferença», considera Domingos Bragança, Presidente da Câmara Municipal.

Comunicação fácil e cómoda
As ocorrências podem ser submetidas através de um smartphone, tablet ou via internet, efetuando um registo simplificado na aplicação informática e acessível através de qualquer sistema operativo. O Município, por sua vez, assinala e responde, através de vários canais, as ocorrências registadas pelos cidadãos, filtrando por tipologia e encaminhando a informação técnica para o respetivo departamento. A comunicação é georeferenciada e feita via wireless, tendo em vista a sua resolução em tempo útil e com notificações via email ao munícipe-repórter, comunicando-lhe a evolução da sua ocorrência.

Com este modelo, a Câmara de Guimarães desenvolve mecanismos de participação eletrónica no exercício da cidadania, através de uma aplicação para dispositivos móveis que possibilita a comunicação fácil e cómoda de ocorrências que requerem a intervenção municipal e da disponibilização de funcionalidades que permitem a participação pública na discussão de temas comunitários. Possibilitar aos munícipes a participação na gestão do espaço público e aumentar a eficácia na resolução de ocorrências comunicadas ao Município são alguns dos objetivos deste sistema interativo.