on 19 de março de 2016


FEDERAÇÃO DE BRAGA EM CONGRESSO


A Federação de Braga do Partido Socialista realiza este sábado (19 de março), em Barcelos, o seu décimo sétimo congresso, reunião magna que deverá ratificar a estratégia política para os próximos dois anos proposta pelo recém-eleito presidente desta estrutura sob a moção “Unir e Vencer”.
O encontro, que junta durante todo o dia (9h00/19h00) mais de cinco centenas de delegados no Pavilhão Municipal de Barcelos, tem os seus pontos altos precisamente na apresentação da “Moção de Estratégia Política Global” subscrita por Joaquim Barreto, ao início da tarde (14h30), bem como na apresentação e discussão de moções setoriais e de «outros documentos de orientação e estratégia política», cujo debate e votação acontece entre as 15h15 e as 16h30.
A moção “Unir e Vencer” – que, como suporte da recandidatura de Joaquim Barreto à liderança da Federação Distrital, registou uma votação da ordem dos 95 por cento nas eleições de 5 de março – coloca particular enfoque em três objetivos estratégicos: a preservação da identidade do Partido Socialista e a afirmação dos seus valores e princípios; o apoio ativo à governação do PS para que «alcance as metas previstas, designadamente no que respeita à gradual diminuição das medidas de austeridade, com mais crescimento, mais emprego e mais igualdade»; e um «intenso trabalho de proximidade com as estruturas concelhias» para preparar as próximas eleições autárquicas.
Este décimo sétimo congresso deverá ficar ainda marcado pela atenção às questões ambientais, estando previstas as intervenções, primeiro (11h45/13h00), do secretário de Estado Adjunto e do Ambiente, José Mendes, sobre “Políticas de planeamento e ordenamento do território no contexto regional/distrital”; depois, (14h30/15h00), do ministro da tutela, João Pedro Matos Fernandes, mais generalista, sobre “Políticas de Ambiente”.
Outro ponto alto deste conclave é a sessão de encerramento, durante a qual se fazem algumas das principais intervenções políticas, designadamente a do Presidente da Federação Distrital, Joaquim Barreto, a da presidente do Departamento Federativo das Mulheres Socialistas, Clara Fernandes, e a do representante da Direção Nacional do PS, José Vieira da Silva, Ministro do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social.
O congresso compreende ainda a discussão dos relatórios dos órgãos cessantes e a intervenção do Secretário-Geral da Juventude Socialista, o deputado João Torres, o que acontece a meio da manhã.



INSTALADA A MESA DO CONGRESSO.

Aprovada e instalada a Mesa do Congresso. É composta presidida por Domingos Pereira, deputado e líder da Secção Concelhia de Barcelos. São vice-presidentes Patrícia Pereira, Luís Castro e Laurentino Regado. São secretários Ana Paula Morais, Jorge Tinoco, Gonçalo Castro, Marta Coutada e Célia Castro.