on 24 de novembro de 2016

OBJETIVO ANTIGO VAI AGORA SER CONCRETIZADO
Presidente da Câmara de Guimarães anuncia construção de novo quartel da GNR em Lordelo

Edifício construído de raiz ficará situado no Parque Industrial de Mide. Obra é lançada em 2017. Posto territorial da GNR tem atualmente 24 militares.
O Presidente da Câmara Municipal de Guimarães, Domingos Bragança, anunciou esta quinta-feira de manhã, em reunião do Executivo, a construção do novo quartel da GNR de Lordelo no Parque Industrial de Mide, num terreno já destinado para o efeito. A informação foi transmitida telefonicamente ao responsável do Município pela Secretária de Estado Adjunta da Administração Interna, Isabel Oneto, que garantiu a transferência de 900 mil euros, através de um contrato interadministrativo a celebrar com a Câmara Municipal de Guimarães.
No contacto efetuado com Domingos Bragança, a Secretária de Estado informou que o Ministério da Administração Interna tem na sua programação a construção do novo quartel, cujo projeto e lançamento da obra estão calendarizados para o próximo ano. «Com as formalidades inerentes a uma obra desta dimensão, teremos o projeto e o concurso da obra a decorrer em 2017 para o edifício ficar concluído em 2018», referiu o Presidente da Câmara de Guimarães.
O novo imóvel, reivindicado há cerca de duas décadas, ficará instalado num terreno situado na entrada do Parque Industrial de Mide, em frente a uma superfície comercial ali existente. «O atual posto não tem condições e este quartel é muito necessário para responder à necessidade de uma intervenção que permita realizar um melhor trabalho, com um espaço digno e apropriado, que assegure o bem-estar dos militares e das pessoas que procuram os serviços da GNR», considerou Domingos Bragança.
Recentemente, no passado dia 15 de abril deste ano, a Secretária de Estado Adjunta e da Administração Interna e o Presidente do Município de Guimarães visitaram o concelho com o objetivo de proceder ao levantamento das condições das infraestruturas em que estão instaladas as forças de segurança. A governante iniciou o périplo no posto da GNR de Lordelo, seguindo-se uma deslocação ao edifício da PSP de Guimarães, ao quartel do Destacamento da GNR de Guimarães, em S. Torcato, e ao quartel da GNR das Taipas.