on 17 de janeiro de 2017

38 toneladas de lenha oferecida para aquecimento de escolas do concelho de Guimarães

1.300 sacos de 30 quilos foram já distribuídos gratuitamente, desde que começou o ano letivo. Lenha resulta da limpeza e desmatação de caminhos públicos.

A Câmara Municipal de Guimarães, através da empresa municipal VITRUS Ambiente, distribuiu gratuitamente 38 toneladas de lenha em quatro meses, por 11 escolas do Ensino Básico do concelho, o que perfaz uma média de 3,5 toneladas por estabelecimento de ensino, resultante da entrega de 1.300 sacos de 30 quilos desde o mês de setembro, altura em que principiou o ano letivo 2016/17.
A iniciativa pretende rentabilizar os recursos disponíveis, reduzir o desperdício e proteger o ambiente da desflorestação, numa exemplar medida de economia circular, extremamente valorizada pela Comunidade Europeia no âmbito da candidatura de Guimarães a Capital Verde Europeia 2020, que enaltece a forma como os recursos naturais podem ser úteis para a comunidade.
Entre outras funções, a VITRUS é a entidade responsável pela limpeza e desmatação de caminhos públicos, como são os casos da Rota de São Torcato, Rota da Citânia, Rota da Penha, Caminho Real e Pista de Cicloturismo. Pontualmente, procede à recolha de árvores caídas e de troncos resultantes das podas efetuadas no concelho.
«Esta ação de responsabilidade social e ambiental previne o abatimento indiscriminado de árvores, rentabiliza recursos e promove uma política de entreajuda na comunidade. É uma forma mais sustentável de responder a esta necessidade, porque as escolas iriam continuar a precisar de lenha e teriam que a obter de qualquer forma», refere Daniel Pinto, administrador executivo da VITRUS Ambiente.
Esta empresa, cujo capital é detido pela Câmara Municipal de Guimarães, tem uma forte componente ambiental, sendo responsável pela higiene urbana e limpeza de edifícios. Está também a seu cargo a promoção, gestão e fiscalização do estacionamento público, em Guimarães, tendo a seu cargo cinco parques públicos, bem como as zonas de estacionamento de duração limitada.