on 3 de fevereiro de 2017


EM FUNÇÕES A PARTIR DESTA 4ª FEIRA
Câmara contrata mais 50 assistentes operacionais para escolas do concelho de Guimarães

Entrada em funções está marcada para o início deste mês de fevereiro. Presidente do Município expressou mensagem de boas-vindas.
Meia centena de assistentes operacionais entra em funções nas escolas do concelho de Guimarães, a partir desta quarta-feira, 01 de fevereiro. Este novo grupo de colaboradores junta-se aos 100 novos funcionários contratados pela Câmara Municipal na sequência do concurso público aberto em 2015, que permitiu iniciar a respetiva atividade profissional a 1 de setembro de 2016, no arranque do presente ano letivo.
A aposta da Autarquia destina-se a suprir necessidades das escolas nas suas diferentes competências, entre as quais, ações que visam o desenvolvimento pessoal e cívico de crianças e favoreçam um crescimento saudável, exercendo tarefas de apoio à atividade docente de âmbito curricular e de enriquecimento do currículo. «É fundamental entusiasmo e dedicação nas funções que vão desempenhar para que as nossas crianças sejam amanhã boas e bons cidadãos», disse o Presidente do Município na sessão de boas-vindas.
«Passamos muito tempo na nossa ocupação profissional e as atitudes que temos, os sentimentos e os afetos que evidenciamos são muito importantes no nosso bom desempenho. Queremos ser uma referência educativa e tudo depende de nós. Bem-vindos à família, que se dedica à sua terra!», felicitou Domingos Bragança, acompanhado na sessão por Adelina Paula Pinto, Vereadora da Educação, que também saudou os novos colaboradores. «Este é o início de um processo de realização profissional. Estamos a fazer um esforço orçamental, com a aposta na Educação, na qualidade e no apoio do pessoal não docente nas escolas», disse.
A Câmara Municipal de Guimarães assumiu, este ano letivo, as Atividades de Animação e Apoio à Família no âmbito do ensino pré-escolar, sendo responsável pela abertura das escolas desde as 7h30 da manhã às 19 horas. Os postos de trabalho contemplam tarefas de enquadramento e acompanhamento de crianças, designadamente, apoio específico a crianças portadoras de deficiência, tarefas de apoio elementares, indispensáveis ao funcionamento dos órgãos e dos serviços, além de assegurar a limpeza, arrumação, conservação e boa utilização das instalações.