on 1 de fevereiro de 2017

PRIMEIRA EDIÇÃO DO “OP” NACIONAL

Vimaranenses convidados a decidir como investir 3 milhões de euros em Portugal

Orçamento Participativo Nacional estará esta quinta-feira à noite em Guimarães. Sessão pública de apresentação realiza-se no Instituto de Design, em Couros. 
A Secretária de Estado Adjunta e da Modernização Administrativa, Graça Fonseca, vai estar em Guimarães esta quinta-feira, 02 de fevereiro, às 21 horas, no Instituto de Design, para participar na sessão de apresentação da primeira edição do Orçamento Participativo de Portugal (OPP), um modelo com escala nacional, pioneiro em todo o mundo.
Esta iniciativa, com um orçamento disponível de 3 milhões de euros, vai permitir que cada português decida como aplicar parte do investimento público em diferentes setores da sociedade. A primeira edição do OPP é dedicada a projetos nas áreas da cultura, ciência, agricultura e educação e formação de adultos em Portugal continental. Para as Regiões Autónomas, incluem-se as áreas da justiça e da administração interna.
Em Guimarães, decorrerá esta quinta-feira um Encontro Participativo onde os vimaranenses terão oportunidade de apresentar publicamente, em cinco minutos, as suas ideias e projetos para o território, no âmbito de um conjunto de encontros que estão a decorrer de Norte a Sul do país.
O Orçamento Participativo Portugal é um processo democrático, direto e universal, através do qual as pessoas decidem sobre investimentos públicos em diferentes áreas de governação. São as pessoas que apresentam propostas de investimento e que escolhem, através do voto, quais os projetos que devem ser implementados. Podem participar todos os cidadãos nacionais com idade igual ou superior a 18 anos, apresentando propostas e votando nos projetos da sua preferência.