on 23 de outubro de 2017
Tânia Ferreira de 23 anos é estudante na Universidade do Minho e está a desenvolver a sua tese de mestrado em arquitectura com investigação nas memórias de Vizela.
Ao Plano Claro, a estudante comentou que a tese pretende "arranjar uma forma de reativar vários locais através da memória". Para tal, Tânia Ferreira, natural de Barcelos, organiza um "piquenique em família" intitulado "Memórias de Vizela" no próximo dia 29 de outubro de 2017, pelas 13h00, e pretende que "os vizelenses participassem de forma a passar uma tarde diferente, onde todos partilham histórias, nos enriquecemos a nós próprios e, essencialmente, enriquecemos um lugar de tantas memórias".
Falar sobre o moinho do maquias, das fábricas, do rio Vizela, das termas de Vizela... entre outros temas é a base deste trabalho académico que conta também com a colaboração do arquitecto Abel Cardoso.
Recorde-se que esta zona do rio Vizela tem merecido atenção de alunos de arquitectura como foi já o projeto de requalificação urbana